4/22/2017

Os 2 brinquedos mais perigosos já vendidos no mundo





Atomic Energy Lab




Considerado o brinquedo mais perigoso do mundo, o Atomic Energy Lab era um kit de ciências para crianças brincarem, fazerem experiências e ganhar incentivo para virarem futuros cientistas.

Mas o brinquedo bizarro que só foi vendido em 1951 era um Laboratório de Energia ATÔMICA de verdade, na mão de crianças! Ele vinha com discos com radioatividade, uraninita(de onde vem o urânio) e fontes de radiação alfa, beta e gama! Era um kit para você BRINCAR COM RADIAÇÃO! Dava pra fazer 150 experiências na época com o kit.






A bizarrice não para ai, o governo na época ainda incentivava o brinquedo e oferecia PAGAR 10 mil dólares pra quem encontrasse depósitos de URÂNIO na época.


(clique para ler o anuncio maior)


Eu gostava muito de kits de ciências quando era criança, eles realmente trazem curiosidades e interesse em ciência, mas com radiação acho que já fica um pouco mais perigoso. O Atomic Energy Lab foi proibido, hoje existem poucas unidades em museus ou vendidos em leilões online chegando a 2 mil dólares.



Glass Blowing




Glass Blowing é a habilidade de trabalhar com VIDRO FUNDIDO para fazer seus próprios tubos e recipientes de vidro, uma arte que se faz com SOPRO. Saber fazer tubos com sopro era uma habilidade importante a meio século atrás, algumas universidades de química inclusive exigiam isso dos alunos porque eles precisavam fazer seus próprios tubos de ensaio.

Agora você precisa saber que para fazer isso o vidro tem que estar amolecido, e para amolecer o vidro você precisa aquecer ele a mais de 500 GRAUS CELSIUS.
Esse jogo ou kit de ciência da época ensinava as crianças a fazerem isso e com as mãos lisas no vidro, sem nenhuma proteção. O manual vinha explicando vários experimentos.

Imagina a quantidade de casos que teve de crianças com as mãos queimadas com vidro derretido, e até o rosto queimado com o vidro explodindo na cara delas. (Sim porque vidro aquecido amolece ou explode!).
Vejam as "Habilidades" exigidas a poucos anos atrás e hoje ainda tem gente que reclama do avanço das máquinas e da tecnologia.






Eu não queria um câncer quando era criança, nem ter o rosto queimado por vidro quente, mas que eu amava fazer experiências com esses kits de ciência eu amava. Nunca tive nenhum desses dois, mas existiam outros nos anos 80 que também brincavam com fogo e elementos químicos hahahahahaha.

Bons Pesadelos...

O PC do Medo B queimou, se você puder, ajude nossa vakinha para continuar o blog e voltar o canal! Clique Aqui