8/15/2016

O mistério dos suicídios em Bridgend

Novo post, esse mistério está no canal do Medo B, mas vc tb pode ler aqui no blog








Qual o mistério da cidade de Bridgend que fica no País de Gales?
Lá entre 2007 a 2009 teve um surto de suicídios entre adolescentes onde morreram mais de 25 pessoas.


Tudo começou com um suicido, a partir desse amigos e parentes começaram a se matar um por um num grande efeito dominó. Todos os suicídios, tirando um, foram por enforcamento.
As famílias da cidade entraram em pânico, o que tava acontecendo? Era um culto? Lavagem cerebral na internet? Será que colocaram alguma coisa na água?

Tudo começou em janeiro de 2007 quando encontraram Dale Crole morto em um armazém abandonado. Ele tava desaparecido a 3 meses quando tinha saído pra ir a casa de um amigo.
Crole era um garoto feliz e animado. Ele foi encontrado pendurado no armazém, seu corpo estava em decomposição já, mas a perícia após analisar o caso afirmou que ele se matou.

Pouco mais de um mês depois, aquele amigo que ele tinha ido visitar, Dilling, saiu atrás de uma das igrejas da cidade e se enforcou em uma árvore.
A família acha que ele ficou acabo quando soube da morte do seu melhor amigo, mas ele não mostrava sinais de que ia cometer suicídio.

Então 2 dias depois seu amigo Thomas Davies se matou no mesmo lugar, na mesma arvore atrás da igreja em que Dilling havia se matado.

Os 3 primeiros eram muito amigos, então algumas pessoas tentavam entender que eles se mataram pq não aceitaram a perda um do outro, mas depois quando outras crianças começaram a seguir o exemplo a coisa saiu do controle, da lógica e passou a ser preocupante.

Poucos meses depois um garoto foi encontrado no quintal de casa enforcado no varal com uma camisa.
Depois dele foi um garoto de 15 anos, horas depois um primo desse se matou aos 20, e os suicídios não pararam.

A coisa virou uma epidemia, começou a assustar as famílias da cidade, e os pais ficaram desesperados sem saber se seus filhos fariam o mesmo.
Nenhum dos adolescentes deixou bilhete nem nada pra família, ninguém sabia os motivos dos suicido.

Quando os jornais começaram a divulgar o aumento dos casos, Bridgend começou a ficar conhecida como Cidade da Morte. As noticias chegaram até jornais aqui do Brasil!


O povo da cidade, incluindo políticos começaram a culpar a mídia pelos suicídios, pq como eles estavam anunciando, isso estaria incentivando os novos casos.
Eles estariam vendo como aqueles jovens estavam afetando a cidade e ganhando atenção e iriam fazer o mesmo.


Eles tentaram proibir a mídia de falar dos suicídios mas era tarde demais pq a mídia do mundo todo já tinha invadido a cidade, e cada nova morte era acrescentada a uma lista e aterrorizada a cidade inteira.

Em 2013 fizeram um documentário sobre Bridgend, eles entrevistaram os adolescentes da cidade, e a única coisa que eles falaram era do Tédio. As pessoas se matavam pq não tinha outra coisa pra se fazer em Bridgend, todos planejavam sair de lá.


Um jovem de 20 anos está no documentário, ele afirma pra câmera que nunca vai se matar pois viu a dor que isso causou para a família de outros garotos e ele não quer isso para a família dele.
Poucos meses depois ele se matou, enforcado.

As crianças da cidade começaram a ser proibidas de sair de casa, de falar com a imprensa...

O médico que analisou vários dos garotos de Bridgend, disse que não tem nenhuma ligação de um garoto para outro. Nada liga eles. Ele diz que esse caso se chama "fenômeno de suicido cluster", é quando várias pessoas se suicidam em um curto espaço de tempo. Isso acontece pq quando uma pessoa se mata, afeta muito as pessoas próximas e acaba brindo uma porta pra isso.
Mas o fenômeno Cluster costuma ter apenas 4 ou 5 suicídios juntos. Em Bridgend foram mais de 25.


O caso de Bridgend nunca foi solucionado, nunca teve uma explicação.
Atualmente o problema parou, as pessoas pararam de se suicidar. Ou a mídia parou de divulgar...


Bons Pesadelos...