1/19/2015

A Mentira mais bizarra

O que as pessoas não fazem para chamar atenção?



Desde o inicio dos tempos relatos, testemunhos e depoimentos de pessoas que vivenciaram o sobrenatural e até mesmo o bizarro não faltam. Porém muitas vezes é comum nos depararmos com alguns personagens que por alguma razão fazem coisas apenas para chamar atenção. Por exemplo:

As vezes assistimos um video fake na internet onde um suposto fantasma aparece, ou as vezes temos um Serial Killer que assassina pessoas apenas para se tornar famoso, e por ai vai...

Bem, para chegar onde quero chegar, antes contarei uma história da qual considero uma das mais bizarras de todas.



Mary Toft nasceu em 1701 na cidade de Godalming, Inglaterra, e foi uma das mulheres mais conhecidas de seu tempo, o estranho caso da mulher que deu a luz à coelhos.

A história aconteceu em 1726, quando Maria, uma empregada doméstica humilde de 25 anos, grávida de cinco semanas começou a ter um comportamento estranho, durante o trabalho no campo começou a perseguir coelhos e tentar pegá-los, isso se tornou uma obsessão, durante toda a sua gravidez ela fez essa e outras coisas para chamar a atenção de seu marido, mas depois de um tempo se tornou normal, pelo menos era o que aparentava porém... Quando estava quase termiando o período de gestação ela começou a retirar de seu útero alguns filhotes de coelhos, e isso acontecia quase uma vez por dia.

O seu médico foi contratado para ajudar no nascimento de nove coelhos, todos os coelhos eram natimortos, mais terrível é que os coelhos não estavam completos, apenas partes deles.

Diante de uma situação tão estranha o médico decidiu consultar vários especialistas, eles realizaram testes diferentes para verificar o fenômeno.

Após estudos chegaram a conclusão de que realmente ela tinha dado à luz a esses coelhos.
Admirados, os médicos encaminharam ela para Londres pois tudo aquilo era novo, uma grande descoberta.

Até então, ninguém veio a suspeitar de que  se tratava de uma grande fraude, até que um médico reconhecido observou a necessidade de se fazer um exame cirúrgico mais preciso do útero da mulher. As palavras pareciam ser suficientemente intimidante para que Mary viesse a revelar sua grande mentira.

Mary explicou que ela mesma havia introduzido coelhos mortos em seu útero  a fim de tornar-se famosa, o que causou um grande escândalo em toda comunidade.



Pois bem essa é toda história. É fato que as pessoas mentem o tempo todo, ou vai dizer que você nunca contou uma mentirinha?
A questão aqui não é bem a mentira e sim o quão bizarro uma pessoa pode se tornar apenas para conseguir um determinado objetivo. Essa mulher colocou alguns coelhinhos em seu útero, já outros preferem cometer suicídio, tem até quem come excrementos humanos e tudo isso apenas para ter o seu minuto de fama.

Em resumo, quero chegar a seguinte questão: Qual a maior bizarrice de todos os tempos? Você conhece alguém que sirva como exemplo para esse tema? Conte para nós.

Bons Pesasdelos...
Anderson Santos disse...

Pq o site tá colocando "moral da história" no final dos posts? virou auto ajuda?

Fifi disse...

conhecia essa história, o Galeria de Curiosidades Médicas é um ótimo livro, e tive a sorte de achar jogado numa cesta gigante de liquidação de mercado.

Ane Cris disse...

Como ela fazia pra passar os coelhos pelo colo do útero? Acho que na verdade ela introduzia na vagina, apenas, não chegando a alcançar o útero. Primeiro que ela morreria de hemorragia e sepsia, segundo que a dor seria impossível de suportar ao ter o colo do útero aberto de maneira traumática, seria mil vezes mais doloroso que um parto.

Dremock Vanir disse...

Pra vocês que gostam de contos de terror, deem uma conferida no meu blog
http://oficinadoshorrores.blogspot.com.br/